Dica de ouro para ganhar celeridade no escritório de advocacia

O que todo advogado quer, para o seu escritório de advocacia, é que ele ganhe celeridade.


Quanto mais rápido o processo de um cliente for solucionando, mais satisfeito ele fica e maior é o número de clientes que o advogado consegue atender. Essa relação parece muito clara, porém, da forma como funciona a Justiça, tem como o escritório se tornar mais célere? É o que procuramos responder neste artigo.

Todos sabemos que a imagem que as pessoas têm da Justiça é que ela é morosa. Muitas vezes, os próprios advogados se valem desse argumento para justificar aos clientes o motivo da demora em haver uma resolução. Argumento que deixa muitos clientes descontentes, pois faz parecer que o advogado está pouco interessado em solucionar o problema dele. Nós sabemos que não é bem assim, mas isso de pouco adianta. Quem precisa saber mesmo são os clientes. E a melhor forma de comunicar isso para eles é sendo proativo. A proatividade é uma boa aliada da celeridade no escritório de advocacia.

Você tem interesse em saber como ser mais proativo? Siga lendo o texto que, com certeza, você vai encontrar boas dicas do que fazer. 😉

Precisa peticionar mais rápido?

Descubra um software de peticionamento eletrônico capaz de reduzir em até 88% o tempo de protocolo.



AGENDE UMA DEMO

3 formas de ser mais proativo e ganhar celeridade

1. Assuma a organização do escritório

Como em qualquer área, existem escritórios de advocacia que tem uma organização impecável, outros em que um ambiente organizado não é prioridade, mas todos conseguem localizar o que precisam, a qualquer momento, sem ajuda. E existem os escritórios em que a organização mandou lembranças.

Caso você trabalhe em um escritório em que a organização é a palavra de ordem, não há muito que você possa fazer, a não ser continuar reproduzindo o modelo. Já nos outros dois casos, você pode ser a pessoa que puxará a organização do escritório e o tornará um lugar melhor estruturado. Mas lembre-se de fazer isso democraticamente. Convide as pessoas para ajudar. E tenha cuidado para não ser impositivo. As pessoas gostam de ser colaborativas e não de ter de seguir algo que é imposto.

Faça um esboço do que você considera ser uma boa rotina de trabalho. Sugira ter horários determinados para atender aos clientes, de forma que todos tenham tempo para realizar outras tarefas, como redigir peças jurídicas. Coloque, em uma planilha, aquilo que você considera ser a responsabilidade de cada pessoa. Projete um processo para atendimento ao cliente. Enquanto estiver construindo cada ideia, peça a opinião de outras pessoas. E, com todas as informações em mãos, valide com todos o que você desenvolveu. Lembre-se de deixar claro, durante a validação, de que a sua proposta é para melhorar o ambiente e os processos de trabalho de todos e nada além disso.

2. Disponha-se a contribuir para a construção da lista de tarefas

Uma das sugestões dadas acima é para fazer a lista de atividades por que cada pessoa deve se responsabilizar. Fazer isso é importante para que duas pessoas não desempenhem a mesma atividade inutilmente. Assim, os esforços podem ser melhor alocados e o escritório ganha celeridade.

A questão é que esta lista, às vezes, parece ser tão interminável que a pessoa mal sabe por onde começar. Caso observe que ela está perdida, ofereça ajuda para a construção de uma segunda lista: a lista de prioridades. Construa junto com ela essa lista todos os dias, até perceber que a sua ajuda não é mais necessária. Todos poderão observar que essa simples prática e os poucos minutos diários dedicados a essa organização faz a diferença no propósito de tornar o escritório mais célere.

3. Esteja de olho nas novidades

O Direito é um âmbito em constante mutação. De tempos em tempos surge uma nova lei e outra é revogada. Um caso é julgado e o julgamento abre precedentes para outras decisões, semelhantes. Às vezes é até difícil acompanhar tudo, mas quanto mais for possível estar atualizado sobre as questões que permeiam o Direito, mais à frente estará o escritório de advocacia.

Você pode ser a pessoa que acompanha as novidades e compartilha o que sabe. Não precisa ser sobre tudo. Mas é importante que seja sobre a área de atuação do escritório de advocacia ou relacionado a processos que o escritório esteja atendendo. Quem sabe, com isso, não se cria uma cultura de estudos ainda maior e compartilhamento de informações? Além de contribuir com a celeridade, isso fará com que os advogados sejam conhecidos como autoridades na sua área do Direito.

Quer evoluir mais? Conheça uma tecnologia que pode revolucionar o peticionamento dos seus processos.


advogada usando sistema de peticionamento online

Artigos relacionados

advogado conferindo dados para fazer a juntada de petição informando dados bancários

Petição informando dados bancários para depósito [modelo]

A petição informando dados bancários é uma peça intermediária do processo, que comunica ao juízo em qual conta bancária deve ser feito o depósito dos valores devidos. A expedição do alvará, neste contexto, costuma se referir ao alvará de liberação dos valores, que podem estar retidos em outra conta.

Leia mais »